O que é MVA ou IVA

Sem categoria Postado em 28/06/2019

Sem dúvida, no ramo do empreendedorismo existem tantos termos que ficamos até meio perdidos, não é?

A princípio, um monte de siglas e letras para quem está chegando agora acaba sendo muito complicado e desencorajador.

Mas nós da SimTax estamos aqui para te ajudar nessas empreitadas e esclarecer todos esses pequenos detalhes.

Assim, o que abordaremos hoje é uma sigla bastante conhecida entre os empreendedores, o MVA ou IVA. Então vamos lá?

Entendendo um pouco mais              

Primeiramente, vamos esclarecer algumas coisas:

MVA e IVA são sinônimos, ou seja, dois nomes diferentes para a mesma coisa. Então, quando você ouvir qualquer uma dessas siglas, saiba que se tratam do mesmo conceito.

Já que sabemos disso, agora vamos ver o que elas significam:

  • MVA: Margem de Valor Agregado;
  • IVA: Índice de Valor Agregado.

Conceito de MVA ou IVA

Em síntese, são conceitos definidos por percentual, criados pelo governo de cada Estado a fim de simplificar a cobrança dos impostos ao longo da cadeia. Como assim?

A princípio, sem essa ferramenta, o governo precisaria fiscalizar os impostos sobre cada transação feita em toda a cadeia econômica, desde a Indústria até o consumidor final.

Em virtude de um amplo mercado empreendedor, inúmeras vendas e produtos em todo o território, isso acaba ficando um tanto quanto inviável.

Desse modo, o governo correria um alto risco de sofrer sonegações desses impostos, gerando, assim, prejuízos.

Como funciona

Com a finalidade de reduzir esses riscos, foi criado o conceito de Substituição Tributária (ST), que só é possível com o auxílio da MVA.

Afinal, o cálculo é bastante simples: o governo avalia os preços de determinado produto ao longo de toda a cadeia, observando o preço desde a indústria até o cliente final.

Só para exemplificar, vamos supor uma cadeia onde um produto é vendido pela Indústria a R$100,00 e, por fim, a loja vende ao cliente final por R$150,00.

O preço final é observado em contraste com o preço de fábrica e calcula-se a porcentagem dessa variação.

Dessa forma, no exemplo, temos uma variação de 50% entre os dois valores, o que caracteriza a nossa MVA.

Para que serve

Uma vez que se obtém a porcentagem da Margem de Valor Agregado, o resultado é utilizado para calcular a ST.

Para que se tenha esse cálculo, pegamos o valor inicial do produto na cadeia, que então é somado à porcentagem da MVA.

Então, o valor dos impostos cobrados pelo governo é calculado sobre o resultado obtido e, ao passo que são abatidos os impostos já apurados desse produto, temos o valor da ST.

Recapitulando

Em resumo, MVA e IVA são a mesma coisa e caracterizam um conceito desenvolvido pelo governo de cada Estado a fim de evitar sonegações.

A saber, é obtida pela análise da diferença de preços medida do início ao fim de cada cadeia econômica.

O valor resultante desse cálculo é utilizado para calcular a Substituição Tributária, que age em virtude de simplificar a arrecadação de impostos.

Por fim, é importante ressaltarmos que cada Estado tem autoridade para definir os próprios parâmetros para esses cálculos, o que significa que a MVA muda de um Estado para outro.

Por isso, se acaso você pretenda vender o seu produto para outro Estado, se faz necessária a análise das regras de MVA e ST do destino.

Ademais, esperamos que você tenha tirado bom proveito do artigo de hoje e que tenha esclarecido mais essa dúvida. Para mais dicas como essa, não hesite em explorar nosso site. Em caso de dúvidas ou sugestões, entre em contato! Até a próxima!

Site: www.simtax.com.br

Telefone: (11) 5096-6600

WhatsApp: (11) 97543-4715

E-mail: comercial@simtax.com.br